O que Mark Zuckerberg REALMENTE falou sobre o botão “Não Curtir”

Padrão

dislike não curtiMuito se falou nesta semana sobre o botão Não Curtir (ou Não Curti) do Facebook. Li textos que falavam dele como se fosse algo já decidido, pronto, e que faria as pessoas entrarem em guerra na rede. O Facebook, disseram, se transformaria em um local muito confortável para os trolls, uma espécie de fórum do Uol Jogos com nomes verdadeiros. Disseram que as fanpages poderiam ser negativamente afetadas. Enfim, uma enorme confusão.

Como se diz na internet, migos, sejam menas!

Vamos lá: Mark Zuckerberg respondeu a uma pergunta em um evento da rede social. A questão era se o Facebook iria ou não criar novos botões, como o Não Curti.

Mark respondeu:

“Não queremos transformar o Facebook em um fórum onde as pessoas votam no quanto esse post é legal. […] Você não quer compartilhar um momento especial da sua vida para as pessoas colocarem ‘não curti’. […] O que as pessoas querem é expressar empatia. Nem todo momento é um momento feliz.” (tradução livre minha).

O exemplo dado por Mark é o de uma situação de luto. Se você avisa que um familiar morreu, como seus amigos podem expressar que entendem sua dor, sem comentar? Curtir o post significa que a pessoa achou legal que o seu familiar morreu? O Facebook está tentando resolver essa questão por meio de botões específicos, provavelmente habilitados somente caso a pessoa que postou deseje.

Veja aqui o vídeo com a resposta de Mark Zuckerberg:

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s